quinta-feira, 10 de maio de 2012

Blogger: SERRAVALIMAR - Criar mensagem

Blogger: SERRAVALIMAR - Criar mensagem:

'via Blog this'

INACREDITÁVEL !


Quando se passeia por esta linda cidade de Viana por vezes deparamos com cenários verdadeiramente surpreendentes. Hoje, quando saía de fazer compras num hiper do ramo de papelaria, deparei com o cenário que as fotos documentam. Os três candeeiros instalados na rua contígua ao hiper estão implantados a menos de um metro das árvores (carvalhos americanos) plantados em caldeiras devidamente delineadas para o efeito.


O projeto desta urbanização foi elaborado por arquitetos, e posteriormente aprovado pelos serviços camarários. Será que nem uns nem outros repararam neste pormenor ou foi intencional deixar os candeeiros a iluminar as árvores?


Estou mesmo a imaginar o que vai acontecer dentro de algum tempo. Quem vai ser sacrificado vão ser as pobres árvores, a exemplo do que tem vindo a acontecer ultimamente nesta bonita cidade,  a que chamam de saudável, em que se cortam indiscriminadamente as árvores, pulmões dos centros urbanos.

sábado, 14 de janeiro de 2012

JOSÉ COSTA EDITA LIVRO DE POESIA




Este é a capa do novo livro da autoria do multifacetado José Joaquim de Sousa Rodrigues da Costa (J. Costa).
O amigo J.Costa é autor de outro livro, "Quadras e poemas para quase todos",editado em Novembro de 2005.
Para além desta faceta poética, é também  pintor, tendo exposto em vários locais do Alto Minho, Braga, Porto e ainda em Vigo.
É ainda inventor de vários artefactos dos quais destacamos: As costanholas e costinhas, as camisas bordadas com quadras populares de sua autoria e ainda o campo de futebol em forma de ovo, eventos todos registados no IGAC - Inspeção Geral das Atividades Culturais.
Para além destes predicados é uma pessoa alegre e bem disposta que se interessa por aprender sempre mais, tendo feito vários cursos; de informática, das novas oportunidades, etc.
Ao amigo J.Costa desejamos que continue com a sua boa disposição a deliciar-nos com as suas quadras acutilantes, por vezes brejeiras, mas inofensivas.

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012